Probióticos-como-tomar

Probióticos e a saúde humana

Probióticos-como-tomar

Os benefícios de saúde de probióticos incluem um aumento na ingestão de nutrientes, impulsionar o sistema imunológico, perda de peso, melhorar o humor, aliviar uma série de problemas do aparelho digestivo e prevenção de doenças graves como o câncer e a doença de Crohn. Eles ajudam a manter o equilíbrio vital de boas e más bactérias em nosso trato digestivo, reduzindo a dor muscular e fadiga.

O Que São Probióticos?

Os probióticos são, na verdade, definida como “qualquer microorganismo que estimula o comportamento de outro micro-organismo”, mas em aplicações práticas, hoje, eles podem ser considerados como qualquer microorganismo que positivamente benefícios a nossa microbiana intestinal equilíbrio. Eles são organismos vivos que podem se beneficiar significativamente de seu hospedeiro. Mais comumente, eles são bactérias que ocorrem naturalmente e que já estão presentes em nosso corpo. Muitas pessoas têm uma conotação negativa com o termo “bactéria”, mas é importante entender que existem boas bactérias, bem como bactérias ruins. No entanto, ambos são necessários. Para o aparelho digestivo do sistema para funcionar corretamente, os dois tipos de bactérias devem estar em equilíbrio. A adição de probióticos para uma dieta pode manter esse equilíbrio saudável, através da construção de formas positivas de bactérias para neutralizar os efeitos negativos de certas escolhas alimentares.

Estas bactérias são de primeira conferido como as crianças durante a passagem pelo canal do parto, a transferência de nossas mães. Esta é a razão por que os bebés nascidos de partos por Cesariana têm níveis significativamente baixos de bactérias benéficas e alguns têm um pouco mais fraco do sistema imunológico e uma suscetibilidade à alergias.

O primeiro uso oficial do termo na sua actual definição foi de aproximadamente 50 anos atrás, mas a gama completa e potencial de aplicação para estes beneficente de bactérias não foi totalmente compreendida, até a década de 1980.

Aumento Da Ingestão De Nutrientes

Os probióticos podem ter um impacto positivo bio-disponibilidade, o que significa que o corpo é mais capaz de extrair nutrientes benéficos do alimento que comemos, então nada vai para o lixo. Melhorar a capacidade do organismo para extrair importantes vitaminas e sais minerais, como ferro, cobre, cálcio e zinco, bem como de todas as vitaminas do complexo B é um dos papéis mais importantes que os probióticos podem jogar em uma pessoa intestinais do sistema. Maiores níveis destes nutrientes pode afetar positivamente o corpo de diversas maneiras, incluindo o aumento da saúde óssea e oxigenação sanguínea, melhora da memória, e muitos outros.

Impulsionado Sistema Imunológico

Através do consumo de probióticos e trabalhando ativamente para manter o equilíbrio do bem e do mal bactérias dentro de seu sistema gastrointestinal, você pode realmente melhorar a força e a eficiência do seu sistema imunológico. Bactérias probióticas pode inibir a reprodução e sobrevivência de agentes patogénicos nocivos no intestino, e elas podem também regular a quantidade de anticorpos presentes no intestino. Este, por sua vez, conduz a um sistema imunológico mais forte que é mais adequado e preparado para combater a doença. Doenças auto-imunes como a artrite reumatóide, Doença de Crohn e a colite ulcerosa são mais comuns quando os níveis de boas e más bactérias são desequilibradas, assim, os probióticos podem ajudar a regular a homeostase intestinal, e até mesmo salvar a sua vida.

Este ponto está intimamente relacionada com a maior taxa de fraco sistema imunológico do recém-nascido entregue por meio de Cesariana. Essa condição ocorre porque eles não têm a presença imediata do probiótico-tipo de bactérias para estabelecer um sistema imunológico saudável contra os patógenos aos quais estão expostos em uma idade precoce.

Via: http://probioticos.me/kombucha/

POLTRONA RECLINÁVEL: BELEZA E MUITO CONFORTO. SAIBA TUDO!

A poltrona reclinável está no imaginário de todas as pessoas. A cena de chegar em casa depois de um longo dia de trabalho, e se atirar numa confortável poltrona, é sonho de muita gente. Aqui vamos mostrar algumas dicas e modelos que farão sua casa ainda mais bonita.

E não é à toa, a também conhecida como poltrona do papai, é extremamente confortável. Além disso, é usada como linda peça de decoração, e pode compor diferentes ambientes.

Conforto e beleza são itens presentes na poltrona reclinável, porém, é importante seguir algumas informações na hora de escolher a sua. Vamos descobrir algumas?

 

Escolhendo sua poltrona reclinável

Inicialmente a poltrona reclinável tem caráter de móvel para descanso. Ser uma peça decorativa é ainda segundo plano. Mas, nada impede que na sua procura, defina uma poltrona que atenda as duas necessidades.

Tenha em mente, sempre, manter a harmonia do cômodo. Isso é básico na escolha de qualquer outro móvel. Exageros não são de bom tom, conforto acima de tudo.

Por isso, considere sempre:

– Espaço onde colocará a poltrona reclinável. As medidas de altura, largura e profundidade são essenciais, pois com elas saberá se a poltrona cabe na área separada para ela. Como também, se passa na porta de entrada de sua casa.

Quem mora em apartamento deve ter muita atenção a isso. Muitas empresas não entregam móveis pesados por escada, só por elevador. Então tenha a medida do elevador de serviços, para não ter surpresa.

– Detalhes como pés, forros, engrenagens e outros acabamentos devem ser observados. Quando receber o produto em casa, é importante conferir.

– Saber a composição do revestimento é fundamental para manutenção da poltrona reclinável. Normalmente só é recomendado limpa-la com pano umedecido na água.

– Algumas poltronas são pensadas para determinados tipos de ambientes: sala, varanda, quartos, etc. Por isso, veja a recomendação no living que a poltrona esteja exposta. É comum na descrição da própria poltrona explicar em qual cômodo é mais recomendado seu uso.

Para acomodar sua poltrona escolha uma parte da casa com pouca umidade. Mas, que tenha boa ventilação. Lembre-se que boas horas do dia passará nela, então o lugarzinho deve ser aconchegante.

Se tem o hábito de fazer muita leitura, posicione sua poltrona numa parte do cômodo que tenha boa iluminação

Modelos e marca

Para te ajudar na decisão para adquirir uma poltrona reclinável, listamos aqui alguns modelos e marcas dos mais vendidos no país. São peças para diferentes estilos e bolsos.

1 – Poltrona Reclinável 3059 – Conforflex

– Altura: 114 cm

– Largura: 82 cm

– Profundidade: 150 cm

– Material: percinta italiana e almofada fixa siliconada

2 – Poltrona Reclinável Halley – American Confort

– Altura: 105 cm

– Largura: 72 cm

– Profundidade: 85 cm

– Material: suede

3 – Poltrona Reclinável Classic – Branzi

– Altura: 102 cm

– Largura: 77 cm

– Profundidade: 90 cm

– Material: Sintético

4 – Poltrona Reclinável Barão de Suede – Império dos Estofados

– Altura: 108 cm

– Largura: 93 cm

– Profundidade: 89 cm

– Material: percinta elástica, fibra de silicone, suede liso

5 – Poltrona de Massagem Reclinável – Rivatti

– Altura: 104 cm

– Largura: 82 cm

– Profundidade: 73 cm

– Material: Sintético

– Acompanha puff: altura 42 cm / largura 57 cm / profundidade 46 cm

No mercado existe uma variedade de poltrona reclinável. Esses são apenas alguns exemplos de modelos. Pesquise, vá atrás dá que mais combina com você. Boa sorte!

COMO COMPRAR UM ANEL DE CASAMENTO? DICAS E SAIBA O QUE SIGNIFICA QUILATE

Quando se fala em casamento um dos itens fundamentais é o anel de casamento, existem no mercado diversos modelos, para todos os gostos e bolsos também. Além da beleza o anel de casamento representa um elo de amor e respeito firmado pelo casal.

Junto com decisão de se casar surge também a dúvida de como comprar um anel de casamento. Abaixo serão repassadas algumas dicas que poderão lhe ajudar nessa difícil escolha.

Dicas para comprar um anel de casamento

  • A primeira dica é definir o orçamento: antes de sair pelas lojas se encantando com todos os modelos, você deverá definir quanto poderá gastar, lembre-se que o anel não é o único item de um casamento, a lista de itens é bem extensa.
  • Outra dica é iniciar a procura pelo anel de casamento com antecedência (recomenda-se de 5 a 6 meses antes do casamento). Deixar para última hora você correrá o risco de pagar mais caro, além de não encontrar um modelo que realmente goste.
  • A terceira dica é buscar ajuda: se o noivo estiver inseguro em comprar o anel de casamento sozinho, deverá pedir ajuda para alguém de confiança ou então optar por comprar junto com a noiva. Todos sabem da tradição de pedir a noiva em casamento de surpresa, mas às vezes é melhor quebrar um pouco a tradição do que comprar algo que a noiva não goste.
  • A quarta dica e pesquisar por joalherias de confiança e que prestem um bom serviço, nessa hora as indicações de conhecidos devem ser consideradas.
  • A quinta é dica é sempre pedir o certificado do ouro, diamante e das outras pedras que foram utilizadas no anel de casamento. Fique atento também sobre a garantia do produto e os procedimentos de troca caso tenha algum problema com o anel.
  • Outra dica importante é que se for optar por um anel de casamento feito com ouro amarelo o ideal que tenha 14, 16 ou 18 quilates para ter maior durabilidade. Anéis com 24k, ou seja, ouro puro são mais macios e consequentemente amassam com mais facilidade.
  •   E por último, mas não menos importante é buscar informação: se você esta perdido com tantas opções busque saber o que está em alta e quais são as tendências, mas, mais importante que moda é escolher um modelo que realmente você goste.

O que significa quilate em um anel de casamento

O quilate informa a pureza do metal utilizado para confeccionar o anel de casamento, o número é alcançado dividindo o peso do metal por 24 que é o número que representa a pureza de um metal.

Quando um anel possui 24k (quilates) significa que o ele é feito totalmente de ouro.

Quilate para pedras preciosas

O quilate em pedras preciosas utilizadas nos anéis de casamento está relacionado com o peso da pedra preciosa e é representado pela abreviatura “ct”, um quilate de uma pedra preciosa equivale 200 miligramas. Além da abreviatura “ct” pode-se também utilizar a palavra “ponto” para representar o quilate, nesse caso 1 quilate é igual a 100 pontos.